A Solidão do “Filho Único”

Publicado: 07/07/2010 em Opinião
Tags:, , ,

Hoje estive lendo um post num blog que curto para caramba (http://substantivolatil.com/archives/extremos.php) das irmãs “Bottânicas” la da minha cidadezinha interiorana (made in Americana) e isso me ressltou a necessidade de blogar.

Sou casado (que foi a maior sorte do mundo rs) e tenho um casal de filhos, e quando digo a todos que penso em ter mais um arma-se um tremendo reboliço em torno desse assunto. Sou chamado de louco, insano, etc, etc, etc. Na verdade vou explicar o que se passa…

Cresci sendo irmão mais velhos de duas queridas e privilegiadas irmãs.  Hoje depois de ser GG – (“Gente Gorda Grande”), essas figuras simplesmente são indispensaveis para momentos de dificuldades e alegrias.

A colega blogueira Mirian Bottan (não esqueci que eh com “n” tá? rs) postou um comment que me chamou a atenção:

Sobre os extremos e a forma subconsciente que nór, irmãos, temos de nos completar, tenho apenas uma coisa a dizer: só quem tem um irmão já desejou ser filho único algum dia… e se arrependeu desse desejo na primeira noite em que não teve ninguém com quem conversar, falar besteira, ou até mesmo brigar.

Os filhos únicos que me perdoem, mas um irmão é fundamental.

Pensem que vida mais solitária de um ser cujos pais pensaram apenas em ter um único filho.

  • Não tem irmãos – Na hora do aperto terá de recorrer a primos se os tiverem…
  • Não terão sobrinhos – Se não tem irmãos estes não poderão lhe dar sobrinhos
  • Jamais serão Titios – Óbvio, pois não tem sobrinhos.
  • Alta probabilidade de serem revoltados ou depressos.
  • Egoístas – Não sabem dividir as coisas.

Ah “Senhor Batatafrita”, mas voce sabe quanto custa para educar uma filho hoje? Reposta: Menos que o sofrimento que ele terá por não ter irmãos.  A decisão de ter filhos querer renúncia de nossa parte e muitos pais de únicos filhos pensam somente neles, em seu sucesso pessoal e acreditam que uma boa situação financeira, boas escolas é o suficiente para seu único filho.

Estes dias atrás em plena madrugada estava no ponto esperando o onibus rodoviário para vir trabalhar e não fui visto pelo idiota do motorista.  Após pensar palavras lindas e quão dificil deveria ser a profissão da mãe dele, me conformei que iria chegar atrasado quando quem passa por ali por um milagre de Deus? Minha irmã caçula de carro indo para seu trabalho. Ela me viu no ponto e me deixou na proxima parada onde pude pegar o onibus. Nesse momento agradeci aos céus pela existência dela. Agora pergunto-me e se eu fosse sozinho?

Esse foi somente um exemplo ta certo que nem tudo eh flores, quando se tem irmão sempre há um “queridinho do papai” e isso dá nos nervos, mas faz parte, não há o que fazer.

Por isso senhores pais o melhor presente que podes dar a seu filho único é um irmão. Não prive-o de poder ter um companheiro de sangue pro resto da vida, pois pense, um dia voces pais vão e seu filho ficará sozinho no mundo!

comentários
  1. daniele san goldman disse:

    chamar filho unico de egoista, e generaliza-los dessa forma, é o tipo de comentário que nao deveria ser feito por quem se dedica a escrever um blog. Eu nao sou filha unica por opção….e mto menos egoísta, por educação.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s